Saiba como evitar e tratar a caspa

Ter os cabelos atacados pela caspa é algo que não impensável para as mulheres. Veja como você pode evitar e deixe suas madeixas lindas para arrasar no verão!

Algo que incomoda tanto homens quanto mulheres são as caspas, conhecidas como dermatite seborreica. A caspa é resultado de uma rápida e intensa renovação das células da pele do couro cabeludo. Dessa forma, torna-se visível o aparecimento de escamas que ficam presas nos cabelos e assemelhando-se a um pó, formado de minúsculos pedaços de células, flocos branco-amarelados, secos ou gordurosos.

As causas para a caspa aparecer variam. Segundo a dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Maria Paula Del Nero, as principais causas são os distúrbios ou alterações hormonais (podendo ocorrer um aumento na gravidez) ou glandulares, sendo uma das principais causas a excessiva produção de glândulas sebáceas (presentes no couro cabeludo). Mas problemas de fins emocionais como estresse, ansiedade e depressão também podem contribuir para o surgimento das caspas.

"Há ainda outras causas. Alterações no couro cabeludo, devido a tratamentos no cabelo como tingimentos, alisamentos ou permanente. A causa, ainda, pode ser um fungo, o Pityrosporum ovale, esse que vive naturalmente no couro cabeludo que, por algum outro fator, pode proliferar-se provocando a caspa", explica a dermatologista.

Para prevenir-se dela, o melhor modo é usando os shampoos anti-caspa sempre pelo menos duas vezes por semana, além de melhorar a alimentação, evitando alimentos gordurosos e diminuir o estresse. Embora prevenir é sempre a melhor alternativa, a dermatologista garante: a caspa não ocasiona nenhuma doença.
Utilizar shampoos com ativos como ácido como ácido salicílico, piritionato de zinco, malaleuca, cetoconazol e em alguns casos até shampoos com corticóide. "Atualmente chegou ao mercado brasileiro o Inneóv DS, uma pílula que ajuda a combater a caspa", observa Maria Paula.

Também não caia naqueles mitos urbanos do tipo "se eu lavar a cabelos todos os piora a caspa". Isso, segundo a dermatologista, não interfere. Mas, se você tem caspa e utiliza tintura Não existe cura, apenas manutenção da sua saúde capilar. "Lavar o cabelo diariamente ajuda a remover a sujeira e todos os resíduos que vão se acumulando, além de evitar a caspa devido à oleosidade excessiva. Diminua o uso de finalizadores. Se o problema persistir, consulte um dermatologista para avaliar o seu caso", explica o também dermatologista Fernando Passos de Freitas.

Mas, se você vem sofrendo com a caspa há algum tempo, é indicado o uso de xampus de alcatrão que combatem a seborreia. Fernando alerta para que evite utilizar produtos que possam irritar o seu couro cabeludo, como geralmente acontece com o spray de cabelo áspero ou gel, bonés ou chapéus, pois ficará mais abafado e dificultará a circulação do ar.

Créditos: http://estilo.br.msn.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário